quarta-feira, 29 de março de 2017

Dunguismo vive

E apesar de tudo, o Dunguismo sobrevive.
É a turma do Salmão.
O bom que eles estão desaparecendo da mídia.

No Twitter

Acompanhem:


Piadinha

Piadinha para fazer com o seu amigo colorado:

- O julgamento do Caso Victor Ramos vai ser em um hotel.
- Tchê ! Mas entraram com o processo no Tribunal ou no Trivago ?!



O Julgamento Fantasma

E nada ainda do julgamento do Inter aparecer na agenda do TAS. 
Já escrevi para o TAS e não recebi resposta.
E mais: agora é noticiado que o julgamento não vai ser no Tribunal.
Vai ser EM UM HOTEL. 
Que várzea.

E... sei não...
O julgamento não está marcado.
A sessão não vai ser no Tribunal.
Será que o julgamento não vai ser fake ?

O julgamento não sai em nenhum lugar e depois o Inter sai gritando que ganhou.

É capaz do negócio ser tão encenado que o Zé Victor Castiel vai fazer o papel de juiz.


Não duvido nada de quem (é acusado de) falsifica documentos.


Tite e a Seleção

Tite está fazendo um trabalho extraordiário na Seleção. 
Melhor do que se esperava.
Ganhou 8 partidas em 8.
100% de aproveitamento.
Disparou na tabela de classificação.
E já está matematicamente classificado para a Copa. Se não marcasse mais nenhum ponto, estaria na repescagem.
Os últimos 4 jogos são "para cumprir tabela".

Tite é um monstro.
Eu não sou fissurado pela Seleção Brasileira mas Tite me fez voltar a ter vontade de ver o Brasil jogando.
E se a Copa fosse em junho agora, o Brasil seria candidatíssimo ao título.
Não sei como vai ser em 2018. 
O Futebol é dinâmico. Jogadores passam por lesões, desgaste da temporada, etc.
Mas que o Brasil mudou completamente com o Tite, mudou.

E aqui no RS se defendia o Dunga.
Se dizia: a geração é ruim. Ninguém faria melhor que o Dunga está fazendo.
Os Dunguistas (uns que adoram cavalos) caíram do cavalo.
Tite está matando a pau.

E pensar que esse MONSTRO saiu do Grêmio por causa de uma manobra NOJENTA e matéria VERGONHOSA feita contra ele, com uma escuta ILEGAL DE UMA CONVERSA.
E nunca mais voltou ao Grêmio.
Pois "não era o momento".

É dose.